19º Festival mundial da juventude e dos estudantes

VLADIMIR PUTIN (Discurso de abertura)

No último dia 15 de outubro, o presidente da Rússia, Vladímir Putin, discursou na abertura do 19º Festival Mundial da Juventude e dos Estudantes. Este pronunciamento, no ano em que a Revolução Russa faz um século, tem a significação de expressar como a liderança russa atual – e, no caso, o principal líder pós-soviético – considera os valores humanos e a relação do país de hoje com sua história. Por isso, reproduzimos, aqui, o discurso de Putin.

C.L.

Deixe-me dar-lhes as boas vindas, a esse 19º Festival Mundial da Juventude e dos Estudantes, um fórum da juventude do planeta, o mais abrangente da História.

Cerca de 30 mil participantes, convidados e voluntários, de mais de 180 países de todos os continentes, se reuniram aqui em Sochi. Aqui também há jovens de toda a vastidão da Rússia, de Kaliningrado à Vladivostok.

O primeiro festival aconteceu há 7 décadas. Naquela época, homens e mulheres jovens, como vocês, estavam unidos pelo poder dos sonhos e a crença de que a juventude, com a sua sinceridade e gentileza, poderia quebrar o gelo da desconfiança e ajudar a livrar o planeta da injustiça, das guerras e dos conflitos.

Naquela época, os jovens da sua idade conquistaram muito. Eles provaram que as barreiras não têm poder algum contra a amizade verdadeira, e que o calor das relações humanas não se rende às diferenças politicas, étnicas, religiosas, culturais ou quaisquer outras.

Nosso país se orgulha de ter recebido este Festival Mundial da Juventude duas vezes. Em 1957, o sexto festival foi calorosamente recebido por todo o povo de Moscou. Em 1985, os moscovitas se reuniram nas ruas da cidade e nos telhados dos prédios para saudar cordialmente os convidados ao 12º Festival Mundial da Juventude e dos Estudantes. Agora, vocês podem vivenciar a hospitalidade e a abertura de nossa capital do esporte na Rússia, a cidade de Sochi.

Sochi é a cidade da fraternidade olímpica e da esperança. Cinco anéis, assim como as cinco pétalas de camomila da flor-símbolo do Festival, se transformaram no símbolo que significa a solidariedade de todos os continentes da Terra.

Estou certo de que os jovens de todos os países, nacionalidades e religiões estão unidos por sentimentos e valores comuns, pelo desejo de liberdade e por sua esperança de alcançar a felicidade, a paz e a compreensão em nosso planeta. Por um desejo de alcançar e criar coisas maiores. E nós faremos todo o esforço para garantir que vocês alcancem sucesso.

A energia e o talento dos jovens possuem um poder surpreendente. As gerações mais jovens sempre trazem ideias inovadoras para o mundo. Vocês se esforçam para tentar coisas novas, se envolver no debate e exibir a sua capacidade de discordar do status quo e de como as coisas são feitas.

Sejam ousados. Criem o seu próprio futuro. Lutem para mudar o mundo e torná-lo um lugar melhor. Está tudo nas vossas mãos. Apenas certifiquem-se de nunca olhar para trás. Enquanto isso, a fraternidade do festival irá certamente ajudá-los a trazer seus  melhores e mais ousados sonhos e planos para a vida.

Declaro aberto o 19º Festival Mundial da Juventude e dos Estudantes.

Desejo a vocês uma feliz jornada!

Compartilhar

Deixe um comentário