Garota de 16 anos dá aula para parlamentares no Paraná

A jovem paranaense Ana Júlia, de 16 anos, está ocupando o Colégio Manuel Alencar Guimarães em Curitiba e foi convidada a discursar na Assembleia Legislativa do Estado do Paraná. Veja o que ela aprontou:

 Emocionada, Ana falou por cerca de 10 minutos para uma bancada parlamentar totalmente atônita ao presenciar uma falar forte, contundente e emblemática, isso porquê trouxe elementos fundamentais para a compreensão do cenário em que as ocupações estão acontecendo e como estão se estruturando enquanto corpo pensante, e não “doutrinado”, como acusam opositores.

Além disso, alertou para a inversão de protagonismo nas críticas aos estudantes quanto ao caso do secundarista assassinado em uma ocupação.

“Vocês são responsáveis pelos jovens, e peço para que olhem para suas mãos: elas estão manchadas de sangue, o sangue do Lucas”.

O presidente da casa, Ademar Traiano (PSDB) interrompeu sua fala, dizendo:

“aqui ninguém está com as mãos manchadas não!”.

Com simplicidade, ela retrucou:

“Peço desculpas, mas o ECA (Estatuto da Criança e do Adolescentes) nos diz que a responsabilidade pelos nossos estudantes é da sociedade, da família e do Estado”, calando o congressista

Compartilhar

Deixe um comentário